quarta-feira, 3 de setembro de 2008

A volta da canseira

(Se eu abrisse um blog com um título destes, nem 2 segundos lá permanecia. Até olhava para o lado com medo que alguém me tivesse visto. Tou por tudo, vai assim mesmo. "O regresso da canseira" ficaria mais piroso. Mas agora já não mudo, dá um trabalhão dos diabos).

Acordei com um soooooooooooono. Até se deitarem ontem, os meninos ainda nem tinham decidido o que queriam fazer hoje, se iam para o ATL ou se iam comigo para a escola. Resolveram que iam para o ATL. Tive que fazer lanches, etc, etc...

A reunião era às 10h, mas como eu já sei como as coisas são, às 10 horas ainda eu estava a caminho do ATL. Levei o Carlos de boleia, e só chegámos à escola às 10.40h. A reunião só começou, como era de esperar, às 11h. Parece impossível, mas não entrou ninguém novo este ano. Só entrou uma colega do 1º ciclo e não me pareceu nada de jeito. Aliás, nem liguei. A minha esperança está agora toda centrada nas cíclicas. Vamos lá ver... ;) A reunião só serviu para que eu chegasse à conclusão que, até ao início das aulas, tenho serviço todos os dias. Não sei horário, nem níveis, nada. Aliás, ninguém sabe. Nem os elementos do Conselho Executivo presentes na reunião sabem. Normal nesta escola. Já cheguei a ter o horário nas mãos só no primeiro dia de aulas... Gosto da escola na mesma!

A seguir à reunião geral temos almoço oferecido pela Junta de Freguesia. :):):) Não se julgue que é uma porcaria de almoço qualquer. É UM ALMOÇO, como deve de ser! Só não digo chiquíssimo, porque não é! Dez minutos antes da hora marcada já estava eu, a Diane e o Carlos especados à porta da Junta para entrarmos para o jardim onde servem a comida. Gosto sempre daquilo. Há farinheira, chouriço, assadura, e um monte de coisas que engordam. Só com os aperitivos devo ter engordado os 3 Kg que emagreci a semana passada enquanto estive a saladas. Andava a Diane a dizer para bebermos cervejas, achei eu que iríamos beber vinho. Ora, o vinho dá-me sono. Ao fim de uns quantos copos, já bocejava por todos os lados. Depois veio o bacalhau com natas e o arroz de pato (claro que comi os dois pratos). A seguir vieram as sobremesas (claro que enchi o prato com aquelas coisas todas).

Entretanto tinha falado com um colega que conhecia um pedreiro, já tinha telefonado para o senhor e combinado que a seguir ao almoço ele viria cá a casa para ver e fazer um orçamento. Nem café tomámos. Combinei logo que viríamos tomar café em Portimão, na esplanada da espelunca que existe debaixo da minha casa. Meto-me no carro com o Carlos, a Diane no carro atrás de nós, quando o Carlos recebe um telefonema de uma colega a avisar que estava a polícia numa rotunda mais à frente. Mais à frente é a 10 metros do local onde nós nos encontrávamos. Ora, estando eu e a Diane cansados por demais de tanto conversar, não estávamos com disposição nem paciência para soprar balões. Invertemos o sentido de marcha e viemos para Portimão por outro caminho. Caminho esse no meio da serra, desconhecido para nós, cheio de precipícios e com uma estrada tão larga, tão larga que cabia não só o meu carro como também uma formiga que viesse em sentido oposto. Claro que a Diane ficou para trás, perdemo-nos e voltámos a encontrar-nos já só cá em Portimão.

AGORA VOU DEITAR-ME NO SOFÁ, JÁ VOLTO.

PRONTO. ADORMECI E VOLTEI.

E AGORA??? VOU TER QUE TER O TRABALHO DE LER O QUE ESTAVA PARA TRÁS PARA PODER CONTINUAR... QUE CHATICE!

(EU NÃO DIGO QUE A MINHA VIDA É SÓ TRABALHO??)

JÁ LI, VOU CONTINUAR...

A seguir apareceu cá o homem para ver o estado da cozinha. Gostei dele. É claro que tão depressa estou a dizer agora que gostei dele como, amanhã ou daqui a bocado quando ele me mandar o orçamento pelo mail, digo que detestei. Sou assim, mudo de opinião como quem muda de camisa (outra expressão que difícilmente é superada por uma outra mais pirosa).

Depois fiz mais uma porção de coisas que não escrevo. Podia escrever, não é porno. Mas depois parecia que eu vinha aqui para o blog contar a minha vida toda. Já assim parece, quanto mais... Isso não sei se dá bom ar a uma pessoa. E as aparências??? As aparências acima de tudo! ;)

BEIJOS E ABRAÇOS

12 comentários:

Bé disse...

Até podia estar enganada no blog,visto andar por aí outro andarilho,mas nem pensar,assim que comecei a ler ,vi logo que estava tudo certinho e direitinho!!!
Deu para perceber perfeitamente,que se o compromisso for "comidinha"não há hipótese de te atrasares,mas se o assunto for trabalho,pois bem que pode esperar...
Realmente ,tens umas expressões bem pirosas!Lol
Bjs

Prazer.... disse...

Olaaa...

Obrigada pela visita em meu blog....
Agora sou sua leitora!

=)

SRRAJ disse...

De facto o título não combina contigo. Fez-me lembrar o Alentejo. Lá é que é tudo uma canseira...
Vê lá se tratas bem as andorinhas que forem parar à tua escola ... mesmo que não sejam nada de especial.
Jinhos

Anónimo disse...

Não sei se gostei das últimas linhas do texto antes de adormeceres no sofá... mas pronto, aqui fica a minha versão dos acontecimentos, para os que estiverem interessados:
Uma vez que a dita estrada era tão larga e tão "linha recta", e eu, amante da Natureza como sou (qual fugir à polícia, qual quê) bem como dos animais (já viram a crueldade de matar uma formiga?) tive de optar pelo percurso alternativo para apreciar as belas paisagens desconhecidas da serra (acompanhadas pelos belos copos de vinho), daí ter ficado para trás... Não fiquem cá com ideias de que foi o andarilho que andava a acelerar demais... NÃO! Ele até conduz devagar (tipo os velhotes, a 20 km/h)... mas tão devagar... até porque, amigo como é (só se for da onça... mais uma expressão pirosa!), estava com receio de perder a colega que vinha no carro atrás e que por acaso não conhecia o percurso... e que por acaso até nem se perdeu, nem ficou sem rede no telemóvel, nem fez um desvio dando a uma estrada "final de percurso" diferente daquela a que foi dar o condutor da frente... NÃO! O andarilho foi mesmo amigo!
No final, cheguei a uma conclusão... Se for conduzir por uma estrada "larga e recta", não vale a pena beber vinho... pois os seus efeitos perdem-se completamente após o persurso percorrido!

Bjs (assustadores)

Andarilho disse...

P/ Bé:
Eu não engano ninguém. Acho que a minha forma de escrever fala por mim (e de mim).
Às vezes (muitas) dá-me para isso, para utilizar expressões que vou ouvindo por aí e que detesto.
Bjs

P/ prazer....
Oi
Sendo brasileira, vou escrever brasileiro. :)
Oiiiiiiiiieeeeee!! Tudo legal? Fiquei muito feliz por você ter vindo aqui no meu barraco deixar um comentário. Bota já o meu blog nos seus favoritos porque eu já tratei de fazer o mesmo com o seu.
Volte sempre, viu??
LOL
Bjs

P/ SRRAJ:
O título combina comigo. Aliás, tem tudo a ver comigo.
Até parece que eu não sou uma simpatia. Pois fica sabendo que as andorinhas que chegam à minha escola, em pouco tempo (10 min) ficam a adorar-me. Eu dou logo as conversas todas.
Bjs

Andarilho disse...

P/ Diane:
Ora vamos lá a isto…

Não sabes se gostaste. Mas porque me calha sempre a mim esclarecer-te as coisas?? Pois é claro que não gostaste, é óbvio que ADORASTE.

Meu amor (LOL), não sei porquê, mas denotei um certo tom de ironia no teu comentário. Com certeza, foi impressão minha. É do cansaço, sabes?

Bjs (optei por não aplicar agora uma piroseira comum nos tempos recentes e que se prende com a qualificação dos beijos, fica para a próxima) ;)

Carlos disse...

Só para acrescentar uma coisa!
Para "fugir" da polícia fizemos uma inversão de marcha numa curva e com traço contínuo. E isto tudo a uns 10 metros deles...
P.S. acho que temos de fazer aquele percurso novamente para apanhar uns gatos que por lá andavam..

Andarilho disse...

P/ Carlos:
Não te terás esquecido de colocar no comentário o meu número de telemóvel, a morada, e a matrícula do meu carro para facilitar a entrega da multa? Esqueces-te que o meu blog é um blog de sucesso?? Que devo ter um monte de polícias a lerem-me?? Só visto!
;)
Abr

melocoton disse...

Já tinha saudades de sorrir com o que escreves...
jinhos saudosos

Andarilho disse...

P/ melocoton:
Olá
Já eu tenho que esperar sentado, já que tu nunca mais actualizas o teu blog!!!
Bjs

Anónimo disse...

P/ andarilho:
Com com certeza que é do cansaço... irónica, EU?????? Nããããã... Descrevi tudo, tal qual a realidade!...
Ainda bem que o Carlos só se lembrou das pequenas infrações... perdão,...pormenores relativamente ao teu carro... já que eu não fiz nada disso!...

Portanto... Carlos, amiguinho, se me estiveres a ouvir... perdão... ler, foi só o andarilho que cometeu esses pequenos erros... nada de divulgar os meus contactos por aí... até porque eu nem vinha atrás do ..-BE-.. nem nada!!!

Ainda bem que o meu blog (ao abandono) não é assim tão popular ao ponto dos polícias andarem a lê-lo!

Bjs (desta vez sem "aplicar uma piroseira comum nos tempos recentes e que se prende com a qualificação dos beijos, fica para a próxima")

Andarilho disse...

P/ Diane:
:)
Bj