quarta-feira, 8 de junho de 2011

Na semana passada perdi o meu relógio na praia. Como não tenho pilhas nos outros que tenho aqui por casa, e estando eu numa maré (mais uma) de poupanças, não comprei pilha para nenhum e tenho andado sem horas. Vejo-as no telemóvel. O problema maior é durante as aulas já que não posso sacar do telemóvel para controlar o tempo, não se vá dar o caso dos alunos perceberem que, apesar de não ser permitido ter o telemóvel ligado, eu tenho-o (na vibração). Assim sendo, desde a semana passada que tenho de lhes perguntar as horas para saber quantos minutos de aula me restam. Não haveria problema se os miúdos usassem relógio. Ninguém, em nenhuma das minhas 5 turmas, tem relógio. Poderão ver as horas, mas só no telemóvel que supostamente também está desligado. Resumindo, ao longo destes dias tenho eu que fingir que eles vêem as horas num sitio qualquer, ao invés de no telemóvel e acreditar. À custa disto, como se depreende, tenho saído todos os dias 5 ou 10 minutos mais cedo das aulas. Mas o regabofe acabou. Hoje, quando ia a conduzir a caminho do shopping (não para comprar pilhas, porque para isso não tenho dinheiro), lembrei-me que o relógio deveria ter ficado num dos bolsos dos calções que levei para a praia. Acabei de o achar. :)

B. e A.

2 comentários:

JS disse...

Vais ficar escandalizado: eu tenho 51relógios e uso o telemóvel para ver as horas...

Beijinhos

Pespireta disse...

também uso o telemóvel para ver as horas, uso os pulsos para pulseiras!! Mas não dou aulas e posso sacar do telele sempre que me apetecer. mas faço colecção de relógios...